terça-feira, 11 de março de 2014

Empreendedorismo e Gestão - Meio Ambiente e Recursos Naturais (Professor Lourivaldo Lemos da Silva)

Disciplina Empreendedorismo e Gestão - Meio Ambiente e Recursos Naturais 
Professor Lourivaldo Lemos da Silva 

=============================================================================

Empreendedorismo e Gestão – Palestra nº 2

Tema: “Ética: dimensões Individual, Social e Universal”
Palestrante: Dr.ª Mírian Gontijo Moreira da Costa 
Diretora do Escritório Mirian Gontijo & Advogados Associados

No dia 28 de Agosto de 2014, de 10:00 às 11:00, a palestrante Dr.ª Mírian Gontijo Moreira da Costa (Diretora do Escritório Mirian Gontijo & Advogados Associados) compareceu à Escola Estadual “Abílio Caixeta de Queiroz” e ministrou uma palestra com o tema “Ética: dimensões Individual, Social e Universal” para a turma do 1º Ano/15 desta Escola. Esta turma está recebendo formação específica através da Disciplina “Empreendedorismo e Gestão”, a qual faz parte do Programa Reinventando o Ensino Médio, o qual contempla as áreas de empregabilidade. Ainda, o tema dessa palestra é parte integrante do currículo e visa propiciar aos alunos estabelecer relação entre a teoria e o cotidiano do mercado de trabalho e a formação de uma consciência crítica.


O Tema “Ética” está longe de ser o assunto preferido nas rodas de conversas em família (quando elas acontecem). Talvez por isso haja grande dificuldade do povo brasileiro em fazer escolhas que os permitam caminhar com dignidade ao pleno exercício da cidadania. Nesse viés da cidadania, também se situa a busca pelo desenvolvimento profissional, o qual deve ser regado pelo empenho pessoal, sem esquecer a reverência e gratidão a todos que nos apóiam.

Inicialmente, a Dr.ª Mírian propôs aos alunos da turma de empreendedorismo um pacto para o sucesso, no qual eles assumiriam a responsabilidade de trabalhar pelo próprio sucesso, apoiados por ela, pela escola e por suas famílias.


Depois, ela desenvolveu a palestra com a candura dos artistas que veem nas erupções vulcânicas (desafios da vida) flores de luz a iluminar os caminhos (oportunidades para empreender) da vida. Exemplificando com as limitações, os desafios e as oportunidades da própria vida, ela incitou aos alunos a refletir sobre como a “Ética” (hábitos, costumes destinados ao bem viver consigo e com os outros) pode auxiliá-los a serem empreendedores que prolongam o seu sucesso pelo simples fato de estarem oferecendo novos produtos e serviços, utilizando novos materiais e processos, que visem melhorar as condições de vida das outras pessoas.



Ponderou que o caminho empreendedor exige humildade e empenho individual em buscar cada vez mais se qualificar, a fim de poder atender às expectativas dos mercados de trabalho ou de bens e serviços. Ainda, reforçou que o espírito positivo tem poder transformador na realização de nossos sonhos.

Por fim, a Dr.ª Mírian desafiou os alunos a sonhar e planejar o que eles querem ter realizado daqui a 10 anos. A forma proposta para materializar os objetivos de cada um e criar um “foco de trabalho” foi colocar, na caixa “Projeto: Sonhos”, registros dos Sonhos Individuais e combinar de a turma vir avaliar as realizações destes, em 2024.



O brilho nos olhos dos alunos durante a palestra define bem a importância dessa contribuição, a qual já começou a surtir efeitos (ver fotos - Projeto: Sonhos) e ainda refletirá por muito tempo na vida acadêmica deles, bem como na pessoal.


Prof. Lourivaldo Lemos da Silva
Mestre em Saneamento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos – DESA/UFMG
Professor da Disciplina Empreendedorismo e Gestão
E. E. Abílio Caixeta de Queiroz

========================================================================

Atividade: Dinâmica I do Projeto de Educação Ambiental da 
E. E. Abílio Caixeta de Queiroz
Tema: O Ciclo da Água no Meio Ambiente


No dia 25/07/14, de 10:00 às 11:25, os alunos do 1º Ano/03 da Escola Estadual “Abílio Caixeta de Queiroz” ensaiaram e apresentaram DINÂMICA I – “Gotas d’Água no Rio”, relativa ao projeto de Educação Ambiental I, para a turma do PROETI – Projeto Tempo Integral, sob a supervisão dos professores Lourivaldo Lemos da Silva e Rosimeire Pereira da Silva Vasconcelos.


A dinâmica propiciou um aprendizado sinestésico sobre como é ciclo da água no meio ambiente, tanto para os alunos do 1º Ano/03, que conduziam a atividade, quanto para as crianças do PROETI.



Há que se destacar que a dinâmica foi desenvolvida pelo professor Lourivaldo para propiciar aos alunos do 1º Ano/03 a prática de Educação Ambiental, de forma transdisciplinar.
           
            Esta turma está recebendo formação específica sobre Educação Ambiental através da Disciplina “Meio Ambiente e Recursos Naturais”, a qual faz parte do Programa Reinventando o Ensino Médio, o qual contempla as áreas de empregabilidade. Ainda, o tema desse projeto é parte integrante do currículo e visa propiciar aos alunos estabelecer relação entre a teoria e o cotidiano no mercado de trabalho e a formação de uma consciência crítica.

            No desenvolvimento da dinâmica, os alunos do 1º Ano/03 iniciaram com explicações, de forma simplificada, sobre os seguintes temas:

- regiões geográficas do curso d’água;
- química da água;
- parâmetros morfométricos e hidráulicos;
- morfologia do leito de rios;
- morfologia versus hidráulica, e
- água e vida.


Estes temas estimularam aos alunos (1º Ano/03 e PROETI) a compreender como a evolução geológica do meio ambiente natural condiciona ou regula vários processos envolvidos na dinâmica da água através dos reservatórios naturais (geleiras, águas subterrâneas, lagos, umidade do solo, atmosfera, rios, organismos), levando-os a refinar o “Senso Crítico” sobre como os processos biológicos podem ser afetados pelo meio físico.

Pensando em integrar as diversas fases de ensino da Escola e, principalmente, sensibilizar as crianças, e desenvolver o ensino de forma transdisciplinar, foram trabalhados, simplificadamente, os relevantes conceitos destacados a seguir:

- estrutura e cinética da água;
- rugosidade de materiais e atrito;
- geometria espacial;
- hidráulica (rudimentos), e
- interações entre pessoas.



A Dinâmica I começou com os todos os alunos percorrendo uma trilha (demarcada por um cordão e o muro da escola), representando as moléculas de água (02 homens e 01 mulher de braços dados), sendo uma ponta das trincas com a mão na altura da cintura e outra ponta com a mão na altura do ombro.

As trincas de alunos caminharam, sempre que possível, em ângulo (a mulher ao centro e meio passo à frente), sendo que as pernas ficaram totalmente esticadas (180 graus) na parte alta (início do curso d’água), levemente flexionadas (170 graus) na parte média e um pouco mais flexionadas na parte baixa do percurso (160 graus).




A caminhada ocorreu em ritmo natural, sem correr ou empurrar os colegas, conforme as alternativas de trajeto propiciadas pelos obstáculos. Os materiais que representavam escombros no fundo do rio (bancos de cimento) dificultaram a livre movimentação e criaram alternativas de trajetórias para o fluxo da água.


Nessa etapa, quando o espaço foi pequeno para uma trinca passar, os alunos colocaram-se em linha para cumprir o trajeto. Ainda, em espaços maiores, as trincas de alunos caminharam em paralelo tocando as laterais dos cursos d’água, sendo que elas se uniram umas às outras quando a dimensão largura se tornou maior e separarem-se quando foi menor.


Ao final do percurso, os alunos ficaram agachados, como se água tivesse chegado a um lago (reservatório natural). Quando todos chegarem, o professor Lourivaldo produziu vibração sonora para estimular os alunos a começar a agitar os braços acima da cabeça e irem ficando em pé como se o calor estivesse provocando a evaporação da água e, em seguida, todos correram para o início do percurso. Encerrada essa etapa, passou-se para as discussões das observações da dinâmica.


A fim de conduzir as discussões das observações da Dinâmica I, com os alunos do PROETI, os alunos do 1º Ano/03 foram separados em grupos e iniciaram as abordagens a seguir, destacando-se que as áreas de conhecimento correlatas estão entre parênteses:

- regiões geográficas do curso d’água (GEOGRAFIA);
- composição e estabilidade da molécula de água (trinca de alunos) (QUÍMICA);
- composição e estabilidade do agregado (blocos de trincas de alunos) (QUÍMICA);
- forma do curso d’água (MATEMÁTICA);
- capacidade do curso d’água e o volume existente (MATEMÁTICA);
- relação entre formas (comprimento, largura e profundidade) do curso d’água e o movimento da água (FÍSICA);
- velocidade de passagem das moléculas nas três partes do trajeto (FÍSICA);
- agitação/temperatura durante o movimento no rio e evaporação no lago (FÍSICA);
- influência da água sobre a vida na Terra (BIOLOGIA);
- efeito de densidade de molécula por área (FÍSICA, QUÍMICA e SOCIOLOGIA), e
- trabalho em equipe (SOCIOLOGIA).




Sobressaiu nessa prática o interesse dos alunos do 1º Ano/03 participar e mostrar seus atuais conhecimentos e a polidez e curiosidade natural das crianças do PROETI em interagir. A parceria trouxe benefícios bilaterais e, principalmente, buscou apoiar este importantíssimo projeto da E. E. Abílio Caixeta de Queiroz, conduzido pela professora Rosimeire Pereira da Silva Vasconcelos.




Ao final, o Professor e os alunos do 1º Ano/03 colocaram-se à disposição para auxiliar as crianças do PROETI, caso elas tenham outras dúvidas durante o ano letivo e, também, para a realização de outras atividades em conjunto.

Prof. Lourivaldo Lemos da Silva
Mestre em Saneamento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos – DESA/UFMG
Professor da Disciplina Meio Ambiente e Recursos Naturais
E. E. Abílio Caixeta de Queiroz


=======================================================================


PALESTRA Nº02


Palestra Liderança: o olhar na Mobilidade Urbana


Tema: Liderança: o olhar na Mobilidade Urbana
Palestrante: Eduardo Queiroz Castanheira 
Presidente – CDL Patos de Minas e Diretor da Viação Pássaro Branco



     No dia 17/04/14, de 10:00 às 11:30, o palestrante Eduardo Queiroz Castanheira (Presidente – CDL Patos de Minas e Diretor da Viação Pássaro Branco) compareceu à Escola Estadual “Abílio Caixeta de Queiroz” e ministrou uma palestra com o tema “Liderança: o olhar na Mobilidade Urbana” para a turma do 1º Ano/15 desta Escola.     Esta turma está recebendo formação específica através da Disciplina “Empreendedorismo e Gestão”, a qual faz parte do Programa Reinventando o Ensino Médio, o qual contempla as áreas de empregabilidade. Ainda, o tema dessa palestra é parte integrante do currículo e visa propiciar aos alunos estabelecer relação entre a teoria e o cotidiano do mercado de trabalho e a formação de uma consciência crítica.


     O Prof. Lourivaldo considera que Liderança é o ato de Educar as pessoas para que elas façam voluntariamente e com amor o trabalho ou desafio que se apresenta a cada momento.
   Para Chiavenato (2007) a definição de liderança envolve duas dimensões: a primeira é a capacidade presumida de motivar as pessoas a fazerem o que precisa ser feito. A segunda é a tendência dos seguidores de seguirem quem eles percebem como instrumentais para satisfazerem os próprios objetivos e necessidades pessoais.
   O Empresário Eduardo Castanheira trouxe para a palestra sua experiência em “Liderança” no setor de transporte público de Patos de Minas. Como startup, ele apresentou as experiências de Curitiba (Brasil), Bogotá (Colômbia) e Sidney (Austrália) com ações de vanguarda ao planejar e transformar com maturidade os seus sistemas de transporte público.

Eduardo Queiroz Castanheira

CURITIBA

     O sistema de transporte urbano de Curitiba é composto de corredores, terminais de integração, sistema de bilhetagem eletrônica, hierarquias de linha e é de abrangência metropolitana, além das conhecidas estações tubo (paradas de ônibus que permitem a compra antecipada de bilhetes e embarque em nível). Este sistema é modelo para o Mundo e foi copiado e aperfeiçoado em cidades como Bogotá.

BOGOTÁ

     TransMilênio é o nome dado à rede de transporte do BRT (Bus Rapid Transit) em Bogotá. Ela foi inspirada na Rede Integrada de Transporte de Curitiba, contudo, recebeu melhorias que permitiram ao TransMilênio ampliar a capacidade de carregamento de passageiros. As vias em que os ônibus transitam são canaletas segregadas, sem cruzamentos em nível, com duas faixas em cada direção, possibilitando ultrapassagem entre os veículos, assim, a operação de linhas expressas em faixas adicionais possibilita velocidades de operação maiores que as de Curitiba.

SIDNEY

    Em Sidney, a ligação entre os bairros é o trem metropolitano que interliga uma rede extensa e complexa. O sistema possui trens expressos, paradores, para longas e curtas distâncias, modernos, antigos. Todos, com dois andares e assentos em geral reversíveis, movidos a eletricidade, além de poderem ser mudados de lado conforme o sentido de circulação do trem.

   Informações disponíveis na internet indicam que o sistema possui elevadores, rampas e catracas largas, os quais são utilizados sem distinção por cadeirantes, pessoas com mobilidade reduzida, bicicletas, carrinhos de bebê, malas, malotes e caixas de mágicas. É possível transportar quaisquer objetos e pertences pessoais sem restrição de horários. Em todos os vagões há uma área confortável para sentar ou permanecer junto a veículos ou pertences pessoais. Escadas estreitas dão acesso aos dois andares dos trens onde os demais passageiros podem sentar confortavelmente. Contando ainda com mais infraestrutura de circulação, bicicletários integrados as estações de trem e barcas e até aluguel de vagas para bicicletas dentro de “armários”. Destacando que há um sistema confiável de ônibus que atende distâncias menores ou complementares aos trens, e um sistema de barcas.

PATOS DE MINAS

     Em Patos de Minas, o planejamento urbano tende a sofrer restrições do interesse econômico em detrimento da funcionalidade dos aparelhos urbanos, o que leva as vias a serem subutilizadas em seu sentido primário que é permitir o fluxo de veículos, pessoas e bens de interesse coletivo.

  No contraponto do direito legítimo das pessoas satisfazerem seus desejos de consumo em obter seus veículos, implantarem seus negócios em áreas visíveis e realizarem o marketing de suas empresas está a questão do transporte público. Veem-se pela cidade uma miríade de estruturas de propagandas em pontos de ônibus que dificultam o acesso das pessoas, invasão do espaço público destinado ao fluxo de veículos pelo comércio em geral (mostruário de veículos, descarga de produtos em horário de pico), estacionamentos e materiais da construção civil.

    Hoje, ônibus que podem transportar até 60 (sessenta) passageiros dispõem do mesmo espaço que veículos de passeio, os quais normalmente estão com no máximo 02 (duas) pessoas. Assim, seria prudente ampliar as políticas públicas de mobilidade urbana, com tarifas e mecanismos diferenciados que atendam uma gama maior de cidadãos, gerando, por conseqüência, mais justiça social e melhor uso da res pública e, com mais dinheiro circulante, haverá um maior investimento no próprio comércio.

     Pesquisas feitas pela concessionária de transporte público da cidade mostram que os fatores supra-elencados, aliados à locação dos pontos de ônibus, ocasionam lentidão no tráfego dos coletivos, não ultrapassando 10 km/h. Isso ocasiona perdas de tempo e incômodos aos usuários e aumento nos custos de operação do sistema gerando, assim, gastos desnecessários para toda a população.

   Após os vídeos, o palestrante destacou que ambiente político-econômico dos grandes centros urbanos é restritivo à mobilidade urbana, haja vista a implantação desordenada dos módulos urbanos, com passeios e vias de tráfego implantados sem observar critérios de acessibilidade e o planejamento macro das cidades, a pressão da indústria automobilística aliada ao desejo de consumo da população; levando à sobrecarga dessas “artérias urbanas”. Esses fatos dificultam a movimentação fluída da população e seu acesso rápido a seus destinos e compromissos.

    O discurso dele se aproxima coerente e apropriadamente do Projeto de Lei nº. 1.687/2007, o qual apresenta os princípios fundamentais da Política Nacional de Mobilidade Urbana, como segue:

I - Acessibilidade universal;
II - Desenvolvimento sustentável das cidades, nas dimensões social, econômica e ambiental;
III - Equidade no acesso dos cidadãos ao transporte público coletivo;
IV - Eficiência, eficácia e efetividade na prestação dos serviços de transporte urbano;
V - Transparência e participação social no planejamento, controle e avaliação da política de mobilidade urbana;
VI - Segurança nos deslocamentos das pessoas;
VII - Justa distribuição dos benefícios e ônus decorrentes do uso dos diferentes meios e serviços;
VIII - Equidade no uso do espaço público de circulação, vias e logradouros.

    Ao final, o Empresário Eduardo Castanheira deixou patente que sempre haverá desafios e soluções em transporte público e que quanto mais efetivas forem as soluções, melhor o sistema será, contudo, impede considerar que os desafios serão menores. Com esse pensamento, incitou aos alunos refletirem sobre a formação de um pensamento crítico de seus cotidianos educacional, econômico e político e a relação com as questões de “Liderança”, bem como de “Mobilidade Urbana”.



Prof. Lourivaldo Lemos da Silva
Mestre em Saneamento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos – DESA/UFMG
Professor da Disciplina Empreendedorismo e Gestão
E. E. Abílio Caixeta de Queiroz

====================================================================


PALESTRA Nº 01 


Tema: Cobertura Vegetal da Bacia Hidrográfica do Rio Paranaíba e o 
Produtor de Água

Palestrante: José Antônio Dias – 

Coordenador Técnico de Proteção à Biodiversidade – IEF/MG


Para ver a matéria completa >>>CLIQUE AQUI<<< e veja tudo que aconteceu na 
1ª Palestra de Meio Ambiente e Recursos Naturais 
realizada no dia 03 de Abril de 2014.

=====================================================================

Empreendedorismo e Gestão


Relatório da Prática I: Pesquisa de Mercado


>>> CLIQUE AQUI <<<  para visualizar 

Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 


Empreendedorismo e Gestão

Prática I - Modelo de Tabela e Gráficos  

>>> CLIQUE AQUI <<< para visualizar


Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 

==========================================================================

Meio Ambiente e Recursos Naturais


Relatório da Prática II: Pesquisa de Fontes e Ferramentas Digitais para a Gestão de Recursos Hídricos

>>> CLIQUE AQUI <<< para visualizar


Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 

=======================================================================

Meio Ambiente e Recursos Naturais: PRÁTICA II


>>> CLIQUE AQUI <<<  para visualizar 

Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 



===================================================================

Empreendedorismo e Gestão: PRÁTICA I


>>> CLIQUE AQUI <<<  para visualizar 

Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 


===================================================================


Meio Ambiente e Recursos Naturais: PRÁTICA I

>>> CLIQUE AQUI <<<  para visualizar 

Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 


--------------------------------------------------------------------------------------------------
Meio Ambiante e Recursos Naturais - Tema "Água"


>>>CLIQUE AQUI<<< para visualizar.

Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 


====================================================================


Empreendedorismo e Gestão: Estrutura Curricular

>>> CLIQUE AQUI <<<  para visualizar 

Observação: Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 


--------------------------------------------------------------------------------------------


PLANO DE TRABALHO da Área de Empregabilidade:
 Disciplina Empreendedorismo e Gestão (Turma: 1ºAno 15)


>>>CLIQUE AQUI<<< para visualizar.

Observação: Para visualizar Plano de Trabalho  
completo é necessário fazer o download do arquivo.

Para Fazer o Download fazer o seguintes passos: 
1º - Clique em aquivo
2º - Fazer Download 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita.