segunda-feira, 16 de junho de 2014

Alunos Classificados nas Olimpíadas de Matemática



NÍVEL I 

Nathalia Sousa de Oliveira 
João Vitor da Silveira Barbosa 
Nicolly Vieira dos Santos 
Alexandro Araújo Silva 
Isadora Gomes de Fátima 
Erika Cristina Viana da Silva 
Cauã Henrique Ferreira Barbosa 
Caylane Lumara Santos de Oliveira 
Julia Andrade Silva 
Isabel Mariana Nunes do Amaral 
Adriano Luis Porto Santos 
Israel Salvador de Faria

NÍVEL II

Lucas Matheus Jesus de Oliveira 
Daniela Cristina da Silva 
Simone Sousa Braz 
Gabriela Lorena Abreu Ribeiro 
Claudiene Bernades Gomes 
Fernanda Cristina M. Rodrigues 
Marcelo Augusto dos Reis Ferreira 
Ariele Mendes Custódio de Oliveira 
Natanael da Silva Lisboa 
Jean Luiz Ferreira 
Juliana Pereira Barba
Luiz Fernando de Jesus Abreu 

NÍVEL III

Wikther Gabriel Olivério Silva 
Geovana Silva Silva de Carvalho 
Lorena Lourenço Caixeta 
Maryelle Stéfane Garcia de Jesus 
Luciano José de Freitas 
Dayane Cristina Pereira 
Henrique Ferreira Landim 
Guilherme Teixeira Santos 
Camila de Souza Ramos 
Letícia Vargas Fonseca 
Karina Vieira de Melo 
Jefferson Ricardo Leles


PARABÉNS A NOSSOS ALUNOS !!!
Boa Prova na 2ª Fase

Direção, Supervisão, Professores e Funcionário

2 comentários:

  1. Eu como aluno da escola, só queria informar que mais de 50% das pessoas que passaram, "não sabem somar". Já realizei esta prova diversas vezes e afirmo que quase todas pessoas que passaram para a 2ª fase da olimpíada, infelizmente não conseguirá realizar o teste, digo isso como prova, pois já realizei o teste, e o teste da segunda fase é de nível muito, mas muito superior ao ensino Público. Quando fui selecionado para a segunda fase, meu pai ficou muito contente, e então fomos estudar para a prova. Daí então fui me informar no site oficial do Teste, e descobri que era dever da escola dar apoio ao estudante que teria se classificado. Não sei se esta regra ainda vale para a data atual, mas pela "lógica" (que é o ponto principal da prova), com certeza a regra ainda existe. Na segunda vez que fui realizar o teste, não consegui passar, e um amigo próximo a mim conseguiu, ele foi a única pessoa que conheço que conseguiu passar no teste da segunda fase, conseguindo uma medalha de prata. Tempos depois fui me informar com o mesmo como foi a dificuldade de realizar o teste, ele me informou que só conseguiu passar porque a prova era bem parecida com a de primeira fase. Daí então raciocinei que ele só conseguiu passar porque a prova estava mais fácil em relação aos anos anteriores. Como disse anteriormente a escola deve apoiar o aluno que se classificou para a segunda fase, o que infelizmente não acontece, experiência própria.

    ResponderExcluir
  2. Pessoas que realmente são inteligentes, entenderão o cometário.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita.